Procurador-geral e promotor são baleados dentro do MP em Natal

Compartilhar
Nenhum Comentário Por Agência Visual News, 25 de março de 2017

 

Quem estava na sede do Ministério Público do Rio Grande do Norte, em Natal, na manhã desta sexta-feira (24), viveu momentos de terror. Tiros foram disparados no local e atingiram o procurador-geral adjunto do estado, Jovino Pereira Sobrinho, e o promotor de Justiça Wendell Beetoven Ribeiro. Baleados, eles foram socorridos.

Segundo informações da Polícia Militar, o autor dos disparos é o servidores Guilherme Wanderley Lopes da Silva, de 44 anos. Ele teria invadido uma reunião no segundo andar do prédio, onde atirou.

De acordo com o G1, o suspeito conseguiu fugir em um carro modelo Polo de cor prata. Tudo isso aconteceu por volta das 11h30. O Ministério Público e a Polícia Militar não souberam explicar o motivo do atentado.

Vale ressaltar que o promotor Wendell Beetoven atuou na Promotoria de Investigação Criminal e Combate ao Controle Externo da Atividade Policial por muitos anos. Atualmente eles servia ao Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado).

As vítimas foram encaminhadas para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho. O procurador adjunto foi atingido por dois tiros no abdômen e será submetido a uma cirurgia. Wendell foi atingido nas costas e também está internado.

A PM faz buscas na região para encontrar o suspeito. A Polícia Civil já começou a investigar o caso.

 

 

visualnewsnoticias.com.br


Deixe um comentário