Na pressão o Bahia empata com Fortaleza, sem gols

Compartilhar
Nenhum Comentário Por Agência Visual News, 27 de janeiro de 2017

am8u7916_5UuGLkS

O Bahia começou a temporada de 2017 com um empate. Contra o Fortaleza, na noite desta quinta-feira (26), o Esquadrão, que teve o volante Juninho expulso no primeiro tempo da partida, conseguiu sustentar a pressão do adversário e manter o placar de 0 a 0 na Arena Castelão, em Fortaleza (CE).
Com o resultado, a equipe comandada por Guto Ferreira somou um ponto no grupo B da competição regional. A próxima partida pelo certame será no dia 4 de fevereiro, contra o Moto Club, em Salvador.
O foco do tricolor baiano se volta para o Campeonato Baiano. No próximo domingo (29), o Esquadrão faz a sua estreia no estadual contra o Jacobina, às 18h30, no estádio Metropolitano de Pituaçu.

O JOGO

O duelo de tricolores começou com muito estudo, equilíbrio entre as duas equipes e poucas chegadas ao ataque. O primeiro lance com possibilidade real de gol veio aos 13 minutos, quando Rodrigo Andrade cobrou falta de longe e obrigou Jean a mandar a bola para escanteio.
Logo depois, aos 15, a oportunidade foi do Bahia. Após passe de Armero, a bola parou nos pés de Régis, que acabou travado pela defesa do Leão cearense. Dois minutos depois, Hernane, em posição legal na entrada da área, recebeu passe de Zé Rafael e completou para a rede. O lance, no entanto, foi anulado pela arbitragem.
Com maior posse de bola, o Bahia chegava ao ataque, mas sem muitas oportunidades para finalização. Uma delas aconteceu aos 29 minutos, quando Juninho recebeu passe, aproveitou uma brecha e bateu de fora da área para fácil defesa do goleiro Marcelo Boeck.Juninho recebe dois cartões em três minutos e deixa o jogo mais cedo
A parte final do primeiro tempo foi faltosa entre as duas equipes e o Bahia acabou sofrendo com isso. Entre o minuto 35 e o minuto 38, Juninho cometeu duas infrações, recebeu dois cartões amarelos do árbitro pernambucano e acabou expulso.

Segundo tempo

Com um jogador a menos, o Bahia sofreu pressão do Fortaleza nos primeiros minutos. Aos sete, Gabriel Andrade recebeu passe, invadiu a área e antes de finalizar acabou impedido por Armero.
Em cima da linha, Tiago evita gol do Fortaleza
Dominado pelo tricolor cearense, o Bahia quase viu a sua meta vazada aos 15 minutos, Lúcio Flávio recebeu lançamento, dominou e tocou por cima do goleiro Jean. O zagueiro Tiago correu atrás da bola e conseguiu evitar o tento. Na sequência, Gabriel Pereira avançou na área do Bahia, driblou e finalizou para defesa do goleiro Jean.
A pressão do Fortaleza seguiu aos 19 minutos, quando Gabriel Pereira cruzou na área e Lúcio Flávio toca de calcanhar para fácil defesa do arqueiro do Esquadrão. Dois minutos depois, o Bahia esboçou uma reação. Fora da área, Régis chutou com desvio e a bola passou perto da meta de Marcelo Boeck.Aos 26, a vez foi de Renê Júnior finalizar. A tentativa, no entanto, passou longe do gol. Aos 29, o zagueiro Ligger, do Fortaleza, bateu com força de fora da área e a bola passou muito perto da meta defendida por Jean.Com 35 minutos, Lúcio Flávio recebeu a bola na área e cabeceou para Jean, bem posicionado, evitar o gol do tricolor cearense.

FICHA TÉCNICA

Fortaleza x Bahia
Copa do Nordeste – Grupo B – 1ª rodada
Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 26/01/2017
Horário: 21h30 (horário da Bahia)
Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Júnior (PE)
Assistentes: Marlon Rafael Gomes de Oliveira e Francisco Chaves Bezerra Júnior (ambos de PE)
Cartões amarelos: Gastón, Rodrigo Andrade, Vacaria (Fortaleza) / Renê Júnior, Juninho (duas vezes), Jean, Hernane (Bahia)
Cartões vermelhos: Juninho (Bahia)
Gols:
Fortaleza: Marcelo Boeck; Jefferson, Heitor, Ligger e Gastón; Anderson Uchôa, Vacaria (Allan Vieira),  Rodrigo Andrade (Patuta) e Gabriel Pereira; Lúcio Flávio e Juninho Potiguar (Wesley). Técnico: Hemerson Maria
Bahia: Jean; Eduardo, Tiago, Jackson e Armero (Éder); Renê Júnior, Juninho e Régis; Zé Rafael (Matheus Sales), Allione (Diego Rosa) e Hernane. Técnico: Guto Ferreira.
bahianoticias

Deixe um comentário